13 de dezembro de 2008

insonia


Ainda hoje comentei que ultimamente o meu corpo pedia para dormir, que me custava levantar para começar o dia... aquela rara preguiça e inércia física invadia-me sorrateiramente como que para me apanhar de surpresa...

Enfim... mas, parece-me no entanto que foi sol de pouca dura.

aqui estou eu, acordada desde as 4, com 2 horitas de sono e sem eira nem fronteira no limiar do meu mundo.

Mundo de quimeras, sombras de monstros que me acompanham a divagar.

Welcome back genna dizem eles... os meus pensamentos e "amigos" utópicos ancestrais.

E o meu pensamento do dia... da madrugada vai para:

o despertar, o amanhecer ou o evoluir... um pouco a mistura de todos num só.

e no meio disto tudo... a ironia de 3 palavras tão repletas de beleza na esperança de algo novo... serem provocadas subtilmente por um gesto de frontalidade...

resultando num despertar amargo, num amanhecer triste mas em evolução.

Utópicos ancestrais... o vosso trabalho nunca acaba... sempre atentos e prontos para me atingir.

Mas sempre em regozijo de um Bem maior... nunca por mal...

Enfim... que seja.

A minha pequenez de ser quem sou cansa-me.

Resta-me evoluir... talvez um dia me dê alguma importância... e me deixe de lamentações com vestes de prosa.

Talvez um dia nada disto seja importante na minha cabeça como realmente não o é para ninguém.

Grow up genna... they say.

para quê... digo eu.