9 de junho de 2006


camuflada do branco da paz inerte
engano os que se enganam,

disperso a mera hipótese de se achar que não estou bem.
caí de quatro... esbarrei-me ao comprido na minha própria má sorte
e tive a ousadia ...

de achar que a vencia.