22 de fevereiro de 2006

antecipação


20.02.06
acordei com vontade de ter todas as respostas para todas as coisas,
com a sensação de ter em mãos a chave de uma porta
e o medo enorme de abri-la.

Inspirei o ar da manhã como se do último se tratásse.
senti aquele vazio da despedida...
parece que inadvertidamente, vou fazer por perder algo que nunca possui.
mas que seja,

que a inerte saga da minha vida continue.
...sinto-me triste em antecipação.